Vacinação Desinfecção e Esterilização

Alguns micróbios patogénicos, tais como os da tuberculose ou os da poliomielite, podem causar a morte ou deficiências mentais e motoras no organismo humano. A vacinação é uma das formas de prevenção da saúde humana.

A vacinação consiste na inoculação no organismo de vacinas – micróbios (atenuados ou mortos) ou suas toxinas. A vacina provoca a produção de anticorpos necessários à defesa contra esses próprios micróbios, combatendo assim a infecção – imunidade artificial.
vacinacao-seringa
Estes anticorpos, produzidos por determinados glóbulos brancos, permanecem no sangue e, no caso de o micróbio activo invadir o organismo, os anticorpos já existentes no sangue inactivam-no rapidamente. A vacina confere imunidade – defende o indivíduo contra aquele micróbio.
Os processos mais comuns para eliminar os micróbios do ambiente são a desinfecção e a esterilização.

A desinfecção é um dos processos de anti-sepsia e consiste no uso de desinfectantes ou anti-sépticos.

A esterilização é um dos processos de assepsia geralmente aplicados a todos os instrumentos, roupas e objectos de uso hospitalar que possam vir a estar em contacto com o corpo humano, como acontece numa intervenção cirúrgica.

IDADE

VACINAS

Recém-nascidoBCG (contra a tuberculose).
2 mesesl.a dose de tríplice (contra a tosse convulsa, difteria e tétano) e l.a dose contra a poliomielite.
4 meses2.a dose de tríplice e 2.a dose contra a poliomielite.
6 meses3.a dose de tríplice e 3.a dose contra a poliomielite.
A partir dos 15 mesesVASPR. Dose única (contra sarampo, papeira e rubéola).
18 -24 mesesl.a dose de reforço da tríplice e l.a dose de reforço contra a poliomielite.
5 anos2.a dose de reforço da tríplice e 2.a dose de reforço contra a poliomielite.
10 anos3.a dose de reforço contra o tétano e 3.a dose de reforço contra a poliomielite.
Raparigas 11-13 anosDose única contra a rubéola.
15-17 anos4.a dose de reforço contra o tétano e 4.a dose de reforço contra a poliomielite.
A partir dos 17 anosReforço da vacina contra o tétano de 10 em 10 anos.

Calendário nacional de vacinação.